Grávidos do coração!



"Não queríamos ser pais adotivos ou biológicos, queríamos ser pais e ponto. Isso bastava!"
Conheça a emocionante história da Priscila e do Elias e sua espera por seu filho do coração!

“Meu nome é Priscila, tenho 31 anos e sou Psicóloga. Meu esposo se chama Elias, tem 34 anos e é motorista. Bom… Eu e o Elias estamos casados a 8 anos e como eu sempre quis adotar, desde solteira, falei com ele sobre o assunto assim que o conheci e ele na mesma hora passou a sonhar com a adoção também juntamente comigo.

Nossa intenção era primeiramente ter um filho biológico e em seguida entraríamos na fila da adoção, para que o segundo filho viesse através da mesma. Com aproximadamente um ano de casamento começamos a tentativa de engravidar sem sucesso e após alguns exames descobrimos que, tanto eu como meu esposo teríamos que fazer tratamento pra engravidar. Meu caso seria bem mais fácil de resolver, mas o dele seria muito mais difícil.

Até chegamos a começar o tratamento, mas em pouco tempo, conversamos e decidimos que como já queríamos adotar, não faríamos o tratamento e sim partiríamos direto pra adoção, pois pra nós não faria diferença alguma. Não queríamos ser pais adotivos ou biológicos, queríamos ser pais e ponto. Isso bastava!

Iniciamos o processo da entrega de documentação, curso, entrevistas, visita domiciliar e muito rapidamente estávamos habilitados. Quando recebemos a confirmação da nossa habilitação, é como um teste positivo de uma gravidez, pois a partir dali, seria uma nova fase, a fase de preparação e de espera do(a)s nosso(a)s filho(a)s.

No momento, estamos na espera de nosso(a) filho(a) para que nossa família se torne completa. A apesar da espera da adoção ser muito difícil, pois quando se está grávida sabe-se o tempo exato para o parto (9 meses), na gravidez da adoção nunca sabemos quando ela vai acabar, estamos com o coração tranquilo e esperançoso, pois sabemos que Deus tem um momento certo pra todas as coisas e já tem tudo preparado pra nós!

Adoção pra nós é a escolha de amar, simples assim! É formar uma família com um dos sentimentos mais lindos e puros que podem existir que é o amor incondicional. Esse amor que Deus tem por nós e que nos capacita a amar também!

Filho(a)…venha logo…estamos te esperando!”

Priscila Pas


0 comentários:

Postar um comentário